As minas de Queiriga situam-se no concelho de Vila Nova de Paiva e são um autêntico tesouro por descobrir. São desconhecidas pela maioria das pessoas mas, aos poucos, há cada vez mais aventureiros que aqui se deslocam para contemplar as grutas formadas aquando da exploração mineira desta zona.




São sobretudo os amantes do Geocaching, uma espécie de jogo de caça ao tesouro, que aqui se deslocam à procura das caixinhas secretas escondidas nestes túneis e, são os praticantes deste jogo que são aos poucos dão a conhecer este pequeno paraíso ao resto das pessoas.



 



 

 

A freguesia de Queiriga é composta pelas povoações de Queiriga, Lousadela, Minas de Lagares e Quinta das Valas. Dista 6 km da sede do Concelho ficando a sul, entre a margem esquerda do rio Paiva e a margem direita do rio Vouga, numa área de 35 km². Na primeira metade do séc. XX manteve intensa actividade mineira. As gerações na diáspora, maioritariamente por terras gaulesas, representam cinco vezes o número da população residente.

 

Queiriga sofreu poucas alterações, permanecendo o limite norte da aldeia demarcado pelas casas outrora ocupadas pelos britânicos e actualmente recuperadas pelos locais para habitação permanente.

A arquitectura e a disposição de algumas das habitações ainda mantêm as características originais, tais como a caixa-de-ar acessível entre o solo e o rés-do-chão, somente um piso por onde se distribuem todos os compartimentos, duas grandes águas na cobertura e generosos alpendres na fachada principa