Monsanto está localizada a cerca de 25 quilómetros de Idanha-a-Nova, muito perto da fronteira com Cáceres , e foi eleita em 1938 como " a cidade mais portuguesa de Portugal ".

Um galo de prata na torre de Lucano corrobora-a. Empoleirado em uma colina íngreme de granito, em uma montanha chamada Cabeço de Monsanto crivado de grandes massas de granito, as casas são espremidas entre as enormes rochas, com pequenos pátios e jardins separados por paredes de pedra e taludes esculpidos, que se fundem e integram-se perfeitamente com a rocha. 

O engraçado é que as rochas de granito estão literalmente localizadas no telhado das casas como telhados. E as casas construídas entre buracos. Os vestígios da mais antiga presença humana encontrados neste lugar datam do paleolítico. A arqueologia mostrou que, mais tarde, a área era habitada pelos romanos, visigodos e árabes. 

Também na cidade estão as ruínas do castelo de Monsanto, que começou como um forte lusitano, a ser restaurado mais tarde pelos romanos e que sofreu durante anos uma longa história de cercos e batalhas de Don Afonso Henriques, em 1165 reconquistou Monsanto, arrebatando-a dos mouros e doando-a à Ordem do Templo, encarregada de repovoar a área e reconstruir a fortaleza. 

O rei D. Manuel I concedeu-lhe uma nova carta e deu-lhe o posto de cidade no ano de 1510.

Em 1758, Monsanto era a capital do concelho, um privilégio que manteve até 1853. Em meados do século XVII, Don Luis de Haro, Ministro de Filipe IV, sem sucesso tentou o seu assalto. Mais tarde, no início do século XVIII, o duque de Berwick também sitiou esta localidade. 

O exército português, comandado pelo Marquês de Minas, derrotou o invasor no sopé da elevação íngreme. Já no século XIX, o imponente castelo medieval foi parcialmente destruído por uma explosão acidental de revistas de munição, e hoje existem apenas duas torres, o Peão e a Fortaleza, Além das belas ruínas da Capela de São Miguel, datada do século XII. 

O que ver em Monsanto Igreja Matriz . Provavelmente construído no século XV, e que foi renovado no século XVIII, mas mantém os elementos da fachada mais antiga, como o portal românico. Em seu interior, você ainda pode admirar pinturas e belos altares, especialmente o altar-mor com um magnífico trabalho em ouro. 

A torre do relógio . Se se sentar tranquilamente nas margens que encontrará no topo desta torre, poderá desfrutar de vistas espectaculares sobre as planícies de Idanha. A casa de telha únicao Casa de Uma só Telha. 

Um bloco de 2.400 toneladas de granito, que na verdade é o telhado de uma casa. Foi concluído com paredes de pedra o espaço sob a rocha para construir um espaço único e habitável. 

É uma construção elementar com um único furo para a entrada. Impressionar Miradouro de Monsanto , nas pedras da encosta. Ou o Castelo de Monsanto . Imponente fortaleza medieval do século XII que se ergue irregularmente sobre a rocha íngreme. Tem dois pores do sol, o Portão da Traição e o Portão Principal. Dentro do castelo é a Igreja do Maria do Castelo. 

A subida íngreme até ao castelo vale a pena pelas vistas sobre a região. Plaza de la Cruzcom a Fonte Nova. que é a praça medieval, onde você pode ver uma bela casa nobre do século XVIII. Onde ficar em Monsanto Casa do Leão para alugar. 

A casa está localizada dentro das muralhas de Monsanto. Esta casa está luxuosamente decorada e mobiliada com antiguidades do século XVIII e XIX, possui uma sala de estar e uma cama original do século XVIII, um banheiro de estilo antigo e uma cozinha totalmente equipada e sala de jantar. 

Ocupação máxima de 2/3 pessoas. Casa da Cave para alugar Esta casa é a mais típica e romântica de Monsanto, já que está localizada dentro de uma caverna. Tem uma casa de banho e está decorado com mobiliário original do século XVII. Ocupação máxima 2 pessoas.