No Alentejo fica a Aldeia de Granja perto do Alqueva

No Alentejo fica a Aldeia de Granja perto do Alqueva

Granja é uma aldeia do concelho de Mourão. A freguesia faz fronteira com Espanha tendo como povoações vizinhas a Amareleja a Sul e Mourão a Norte.

É actualmente uma das aldeias ribeirinhas do Alqueva ficando junto a um dos braços da barragem, a ribeira de Alcarrache.

Entre o património da Granja salienta-se a Igreja Matriz que sobressai das restantes casas da aldeia. Construida no século XVI, de planta rectangular e nave ampla, possui no seu interior pinturas de grande interesse. Salienta-se também a Igreja da Santa Casa da Misericórdia no centro da localidade.

Em termos históricos pouco se sabe sobre a história desta freguesia, em grande parte devido às constantes pilhagens pelos espanhóis durante a guerra da restauração. No entanto existem referencias desde o séc XIII a uma Granja do Hospital, administrada pela ordem regiliosa dos Freires do Hospital.

Os Romanos e Árabes habitaram também esta região, tendo deixado como legado as pontes sobre os rios Alcarrache e Godelim, bem como várias chaminés mouriscas.


Encontra-se a 12 Km da sede concelhia, sendo a última povoação do distrito de Évora e do Alto Alentejo. Localiza-se a cerca de 70 Km da capital de Distrito, Évora e a 214 km de Lisboa, inserida numa região que faz fronteira com a Estremadura Espanhola.

No concelho de Mourão fica a aldeia e freguesia da Granja, situada entre a capital concelhia e a freguesia da Amareleja, no concelho de Moura e tem aproximadamente uns 600 habitantes. O Grande Lago de Alqueva contorna desde 2003 a localidade, já que o encerramento das comportas supôs o alagamento dos vales dos ribeiros vizinhos.

O relevo próprio da planície rompe-se aqui dando lugar a formas onduladas e vales mais profundos lá onde os cursos fluviais ainda não foram alterados pela barragem, em áreas mais isoladas, na própria Raia, designadamente a Ribeira de Alcarrache e o seu afluente, a Ribeira de Godelim ou as suas formas alternativas Guadalim ou Guadelim, que nasce em Espanha com o nome de Godolid e que remete para as suas origens árabes do termo uádi, que significa rio e que na língua portuguesa deu lugar, para além do prefixo guad-, o mais genérico ode-, odi- (daí topónimos como Odemira, Odeceixe, Odiana (forma medieval de Guadiana: o Alentejo era a região de Entre-Tejo-e-Odiana), Odiáxere, etc.). O limite fronteiriço fica mesmo nesses meandros formados pelas ribeiras indicadas, sendo possível avistar ao fundo a vila de Villanueva del Fresno, já na Extremadura espanhola. Infelizmente o acesso está barrado pelos proprietários das herdades, que vedam a entrada a toda pessoa estranha ao serviço. Daí que as fotografias só mostrem a fronteira ao longe. 







O que visitar e conhecer em Portugal

O que visitar em Sesimbra os 10 melhores lugares

O que visitar em Sesimbra os 10 melhores lugares

Fica a menos de uma hora de Lisboa uma prola por descobrirA Lagoa de Albufeira situa-se na orla Ocidental da Península de Setúbal, no arco litoral Caparica - Espichel, cerca de 20Km a Sul de Lisboa. É um local de invulgar beleza, onde se conjuga o mar a lagoa e extensos pinhais.A Lagoa tem características invulgar...
Os 9 melhores pontos turisticos para visitar em Portimão

Os 9 melhores pontos turisticos para visitar em Portimão

Praia do Alvor Portimo AlgarveA praia situa-se na ampla baía de Lagos, inserida na península arenosa que se estende durante mais de 3,5 km para nascente da barra da Ria de Alvor. As barreiras arenosas do Alvor possibilitam a existência de uma laguna interior com bancos de sapal e canais de águas calmas. Este habitat ...
O que fazer no inverno em Setúbal os 20 melhores locais

O que fazer no inverno em Setúbal os 20 melhores locais

Casa do Corpo Santo em SetubalA Casa do Corpo Santo foi erguida em 1714 junto de um troço da muralha trecentista de Setúbal, que constitui a parede nascente do edifício. A sua designação provém do nome do santo protector da Confraria dos Navegantes da cidade, que aí esteve instalada durante sé...
O que fazer no inverno na Ilha da Madeira os 18 melhores locais

O que fazer no inverno na Ilha da Madeira os 18 melhores locais

Porto Santo o Paraiso no Atlntico fica em PortugalVista aérea do Miradouro da Portela e Moinhos de vento. A grande atracção no Porto Santo, é sem dúvidas a longa praia de areia dourada, estendida ao longo de nove quilómetros desde a Vila Baleira até à Ponta da Calheta. A água, aq...