Parece um único animal, mas existem milhares de indivíduos que compõem essa entidade em um nível superior, explica o biólogo marinho 

 A expedição estava explorando uma parte pouco estudada , mas biologicamente rica , do oceano na costa da Austrália Ocidental. Quando voltaram de uma das incursões, encontraram esta criatura


Criatura gelatinosa encontrada a 600 metros de profundidade pode chegar aos 45 metros. Avistamentos de sifonóforos em Portugal são comuns

 

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Kaylee Nicholls (@kaylee_underwater)

 

Em Portugal, não é todo incomum encontrarem-se estes organismos, A especialista revela que a grande maioria dos casos de avistamento reportados pelos portugueses dizem respeito a espécimes mais pequenas. Um caso desta dimensão é inédito, diz uma das responsáveis pelo programa GelAvista, que se dedica à monitorização de organismos gelatinosos em Portugal.

 

Turismo em Portugal

Explora restaurantes museus hoteis e muito mais em Portugal