Praia do Norte (Nazar)





A Praia do Norte é uma praia do concelho da Nazaré, na região Oeste, em Portugal, a qual ficou internacionalmente conhecida devido à formação das suas ondas gigantes. É muito ventosa, sendo propí­cia à prática de surf, kitesurf, windsurf e bodyboard.

Caracterizada pelas grandes ondulações vindas do atlântico (canalizadas pelo Canhão da Nazaré). Um dos mais famosos breaks no mundo - beachbreak - como tem fundo de areia existem muitos picos pela praia sendo o mais famoso

A Praia do Norte é uma praia, situada na Nazaré, internacionalmente conhecida pelas suas ondas gigantes. Encontra-se sob a influência do “Canhão da Nazaré”, um acidente geomorfológico raro, o maior da Europa e um dos maiores do mundo, que consiste numa falha na placa continental com cerca de 170 quilómetros de comprimento e cinco quilómetros de profundidade.

O “Canhão da Nazaré” canaliza a ondulação do oceano Atlântico para a Praia do Norte, praticamente sem obstáculos, o que possibilita a criação de ondas com um tamanho fora do normal, em comparação com a restante costa portuguesa.

Em 2016, a Praia do Norte acolheu a primeira prova europeia de surf de ondas grandes, o Nazaré Challenge. Para além deste evento que junta os melhores do mundo em ondas grandes, a Praia do Norte acolhe ainda uma etapa do circuito mundial de bodyboard, o Nazaré Pro.

Foi nas ondas da Praia do Norte que Garrett McNamara bateu o recorde mundial da maior onda já surfada, do Guinness World Record, com 23,77 metros.



Praia Nova





A praia nova est separada da praia da Senhora da Rocha por um rochedo em que figura uma pequena capela da Nossa Senhora da Rocha, ainda possvel alugar barcos para explorar a costa e aceder a praias isoladas. Este servio juntamente com um parque de estacionamento so as nicas infra estruturas disponveis nesta praia.

Praia de Mira Designada por Palheiros de Mira





Praia de Mira é uma vila e freguesia portuguesa do concelho de Mira, Designada por Palheiros de Mira, devido às construções de madeira utilizadas pelos pescadores, a Praia de Mira era na primeira parte do séc. XX uma aldeia piscatória, cujo quotidiano se poderá conhecer no Museu Etnográfico, a funcionar precisamente num palheiro restaurado. 

Hoje em dia, é uma estância balnear concorrida, com areias brancas e finas rodeadas por dunas e banhadas pela ondulação forte do Oceano Atlântico, que atrai muitos surfistas. Para lá das dunas, a Mata Nacional, onde o aroma a pinheiro predomina, esconde a Lagoa da Barrinha, com águas serenas, excelentes para a vela, canoagem ou windsurf.



Praia do Molhe Ferragudo, Lagoa (Algarve)





A Praia do Molhe situa-se em Ferragudo, no concelho de Lagoa (Algarve), no Algarve, Portugal.

O seu nome é devido ao facto de possuir um dos molhes que demarca o fim do rio Arade e o iní­cio do Oceano Atlântico.

Esta é uma pequena praia que se desenvolve em torno do molhe nascente do Rio Arade; o acesso ao areal faz-se através de uma altaneira zona de estadia, a partir da qual se desce uma íngreme escadaria de pedra escavada na face da arriba.

As arribas, de cores marcadamente quentes, encontram-se muito fissuradas e recortadas, sendo visíveis inúmeros blocos rochosos no areal, vestígios de antigos desmoronamentos.

Enormes arbustos de barrilha e salgadeira revestem as paredes rochosas, são plantas especialmente adaptadas à salsugem. Na direção do interior do estuário acumula-se exíguo areal junto ao molhe e as águas são calmas.

Já na face marítima do molhe, o areal é mais consistente e o mar também, sendo frequentes as vagas que galgam o molhe e os surfistas que sondam o horizonte em busca de ondas.



Praia da Barrinha - Esmoriz





Tradicional povoação piscatória, a Praia de Esmoriz conserva alguns palheiros, típicas casas de madeira construídas no séc. XIX como segunda habitação daqueles que, tendo como principal atividade a agricultura, dedicavam o pouco tempo que lhes sobrava à pesca. A maior parte foi convertida em casas de férias, mas a faina piscatória ainda está bem presente na parte norte da Praia de Esmoriz.A zona mais procurada pelos banhistas, onde se situam todas as infraestruturas de apoio, está localizada a sul e é designada por Barrinha. É também a melhor área para a prática de surf e bodyboard. Quanto a banhos de mar é necessário tomar cuidado e não sair das áreas vigiadas, pois o mar é muito perigoso



Praia Norte (Viana do Castelo)





A praia Norte é uma praia urbana com extensas zonas pedonais, circuito de manutenção, cafés e esplanadas que convidam a uma paragem para observar o mar, a praia e os barcos que chegam ou partem de Viana do Castelo.

Esta praia é considerada como uma zona muito sensível, face à singularidade deste local, é a única praia da costa portuguesa que apresenta um padrão típico de uma praia abrigada com algas castanhas (Fucus vesiculosus, Fucus spiralis, Pelvetia canaliculata e Ascophyllum nodosum).



Praia das Accias Costa da Caparica





A seguir à vila da Costa da Caparica tem início um extenso areal contínuo que se prolonga por cerca de 30 km até à Fonte da Telha, na sua maior parte integrado na Área de Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica. O areal compreende três grandes áreas - as "Terras da Costa", as "Acácias" e os "Medos", que integram numerosas praias. Sem qualquer divisão natural, vão adquirindo nomes diversos em função do respetivo concessionário ou por terem uma entrada diferente a partir da estrada principal.Todas as praias têm parque de estacionamento e são servidas por um meio de transporte muito característico - o "Transpraia" - um pequeno comboio aberto, cuja linha tem início na vila da Costa da Caparica e termina na Fonte da Telha, com diversas paragens ao longo do percurso. Com areais muito vastos, oferecem boas condições para jogar futebol e voleibol ou simplesmente para fazer longas caminhadas. O mar, normalmente tranquilo e convidativo, por vezes tem uma ondulação mais forte propícia à prática de surf ou bodyboard.De uma ampla escolha, podemos referir as Praias da Morena e da Sereia, famosas pela animação das suas esplanadas, as Praias do Castelo, do Rei e da Rainha, mais familiares, e a Praia da Bela Vista, a primeira a ser reservada para o naturismo em Portugal. A Fonte da Telha, última paragem do Transpraia, está situada na ponta final deste extenso areal e possui uma área com cerca de 2 km de extensão, protegida por uma arriba com 70 m de altura, muito utilizada para descolagem de parapente.



Praia de Dona Ana situada em Lagos Algarve





A praia de Dona Anaé uma praia em Lagos, Algarve, Portugal, conhecida devido à grande beleza da paisagem.  Antes de iniciar a descida para a praia vale a pena alongar o olhar no pequeno miradouro e contemplar a linha de costa e as curiosas formações rochosas esculpidas pelas águas doces e salgadas: leixões, algares e grutas.

Nos leixões dispersos pelo horizonte brilham inúmeros pontos brancos: gaivotas, garças ou guinchos repousam nestas plataformas sobranceiras ao mar.

Plantas com adaptações especiais à salsugem, como a barrilha ou a salgadeira, revestem as paredes rochosas. O areal da praia D. Ana desdobra-se em reentrâncias geradas pelo recorte da arriba, proporcionando recantos resguardados aos banhistas.

Já dentro de água, um passeio de máscara e barbatanas revela um colorido diferente: algas, anémonas, estrelas-do-mar, ouriços, camarões ou cardumes de pequenos peixes, povoam os blocos rochosas imersos.

Dona Ana é uma praia afamada e muito frequentada, tendo já sido considerada uma das melhores praias do mundo por publicações da especialidade.

A Praia da Dona Ana é uma das praias mais pitorescas de Algarve é um ótimo local para o seu dia de praia.

A Praia Dona Ana está localizada ao sul de Lagos e está situada dentro das falésias calcárias da pequena península de Ponta da Piedade. Esse é um lindo cenário natural; os penhascos altamente em erosão revelam camadas de estratos dourados, as águas calmas do mar têm uma cor turquesa idílica e as areias são macias e convidativas.

Junto com o cenário deslumbrante, há todas as facilidades esperadas de uma praia popular, incluindo restaurantes de praia, lojas e chuveiros



Praia do Moreir Vila do Conde





Situada numa zona rural, a Praia de Moreiró é um local de grande beleza que conserva um ambiente tranquilo, sendo muito procurada por famílias durante a época balnear. A metade norte da praia, com um areal extenso, contrasta com a parte sul, limitada por uma zona rochosa que oferece alguns perigos para os banhistas. Nas proximidades situa-se o Castro de São Paio ou Sampaio, um pequeno povoado da Idade do Ferro datado de 2.000 a.C. e que é um exemplar raro pela sua localização junto ao mar.



Praia dos Biscoitos ilha Terceira, Aores





As Piscinas naturais dos Biscoitos são um conjunto de formações geológicas marítimas portuguesas localizadas na freguesia dos Biscoitos, no concelho da Praia da Vitória, ilha Terceira, Açores, e devem a sua origem às antigas erupções vulcânicas que também formaram os campos os de cultivam as vinhas do vinho Verdelho

Estas bonitas piscinas são formadas entre rochas de grande beleza, que se originaram com erupções vulcânicas já antigas, com a lava solidificada, em pedra basalto. A lava, escorrendo pelo território, e solidificando, foi criando novas formações rochosas, esculpidas pela erosão marinha. 

Situada na costa norte da Ilha Terceira, a zona balnear dos Biscoitos é constituída por piscinas naturais delineadas entre as configurações curiosas das rochas negras resultantes de erupções vulcânicas. Com boas infraestruturas de apoio, esta zona atrai muitos banhistas, mas também todos aqueles que gostam de contemplar a natureza e que aqui encontram uma paisagem muito bonita, feita de contrastes entre o basalto escuro e o azul do mar.

Zona rural por excelência, a freguesia dos Biscoitos é também uma conhecida zona vinícola onde se produz o famoso vinho verdelho dos Açores.





Turismo em Portugal

Explora restaurantes museus hoteis e muito mais em Portugal