A partir de Março, a região alentejana do sul de Portugal torna-se uma imagem multicolorida: com trevo amarelo, papoilas vermelhas selvagens, margaridas brancas e lírios roxos a pintar a paisagem. Com céus quase sempre azuis, temperaturas amenas e poucas multidões, é a época perfeita do ano para explorar.

Comida, bom tempo e paisagem colorida. Estas são as três principais características do Alentejo que merecem destaque no “The Guardian”. O artigo do jornal britânico publicado este domingo, 3 de fevereiro, pretende indicar as seis melhores zonas da “Europa rural” para visitar na primavera. A região portuguesa é uma delas.

Existem muitos percursos pedestres a seguir, variando em comprimento e dificuldade, à volta do lago do Alqueva e do rio Guadiana (guias de download do visitalentejo.pt ). Os caminhos serpenteiam através de lindas paisagens e aldeias nas colinas com cegonhas, passando por locais históricos, desde pedras do período Neolítico até a cidade medieval de Évora, na Unesco. Pare em restaurantes tradicionais para reabastecer, onde as especialidades do melhor (presunto) ao marisco fresco vêm a preços razoáveis (cerca de € 15 para duas pessoas para uma refeição de três pratos com vinho).